Gestão de “ANTES” deixa marcas permanentes.

Por Diego Venceslau 17/02/2021 - 20:05 hs

 

Gestão de “ANTES” deixa marcas permanentes

 

A Gestão Municipal anterior deixou marcas permanentes na cidade de São Miguel dos Campos no Estado de Alagoas, as obras olhando de perto muito bonitas, parecia ser algo muito garantido, mas antes mesmo de completar doze meses de construídas ou realizadas as reformas, alguns tetos de prédios públicos desabaram.

Aí Observando a questão das belas reformas os tetos desabando em um lapso temporal tão pequeno, então surge a pergunta que não quer calar:

Será que foi má qualidade do serviço dos executores?

Será que foi uma maquiagem?

Será um ato inusitado?

Ou Será um caso fortuito?

Assim o que mais preocupa é se tivesse alguém debaixo desses tetos, surgiria então a responsabilidade objetiva do Município em indenizar a pessoa que sofreu o dano, mas, se tivesse essa vítima perdido o maior bem jurídico que existe, que é a vida humana, seria somente uma lamentação:

Que pena!

Era uma pessoa tão boa!

Que fatalidade!

E os entes queridos como ficariam?

Receberiam pêsames, condolências, nota de pesar e nada mais.

Todavia se houvesse uma boa execução da obra ou reforma certamente o teto não desabaria.

Embora agora a pergunta é, qual teto poderá cair nos próximos dias, meses ou anos?

O mais sensato e mais prudente deveria a Gestão de “Hoje” inspecionar e verificar quais prédios e obras que foram reformados e os que porventura não foram se estão aptos a serem utilizados e assim seja garantida sua utilização, e não havendo possibilidade que houvesse a suspensão da utilização, afinal a Gestão de hoje não poderá ficar aguardando algum desabamento que porventura aconteça para lamentar e culpar a gestão de “Antes”.

 







Deixe seu Comentário




Veja Mais